Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Something New

porque sempre que se fecha uma porta, abre-se uma janela

porque sempre que se fecha uma porta, abre-se uma janela

Something New

19
Mar15

O meu

alex

O meu pai é daqueles que, com o passar dos anos, foi mudando e aprendendo a lidar comigo, assim como eu fui aprendendo a lidar com ele.

O meu é demasiado parecido comigo - ou eu com ele. É daqueles pais que sabe perfeitamente que a sua menina já não é nenhuma menina mas que ainda quer que ela o seja - e por vezes ainda a trata como tal, o que a deixa deveras chateada.

O meu é daqueles que me vai buscar às quatro da manhã onde quer que eu esteja, sem refilar. É daqueles que, sem ter obrigação disso, me vem buscar todos os dias às 20h da noite ao trabalho, apesar de eu ter passe e de ele me o pagar.

O meu pai é daqueles pais que já desiludiu as filhas e a mulher. Que já nos deixou ficar mal. Mas bolas se não teve razões para isso. É daqueles pais a quem a vida nem sempre lhe sorri, mas que consegue fazer-me rir até hoje, quando a vida também não está para mim virada (a sorrir).

É acima de tudo, um homem que eu respeito e que gostava, de um dia, de ver feliz. Porque sei que apesar de ter um emprego, uma família, uma casa e comida na mesa, o meu pai não é feliz. E eu só espero um dia ter o poder de lhe proporcionar essa felicidade.

Porque ele está a deixar a filha mais velha ir em busca da dela. E não pensem que este é um assunto que se discute à mesa - o facto de eu ir para outro país - porque não é. É daquelas coisas das quais não se fala até a data estar mesmo à porta, porque dói muito.

O meu pai é daqueles pais que sempre me deu liberdade para ser o que eu quisesse. Sempre foi o primeiro a apoiar os meus sonhos loucos de querer ser cantora e actriz (sonhos esses que já lá vão), o primeiro a mostrar-me o que é gostar de um desporto como a natação, o primeiro a mostrar-me que por vezes, temos de ser duros quando a vida é dura para nós, o primeiro a dizer: "Se é mesmo isso que queres filha, nós apoiamos-te a 100%, e se por alguma razão a meio do caminho mudares de ideias, nós vamos estar aqui para ti, sem julgamentos, sem ralhetes" quando eu disse que queria ir para Londres.

Tivemos os nossos momentos, os nossos anos em que nem nos podíamos ver à frente - a adolescência tem dos seus momentos, não é assim? 

Mas hoje, eu e o meu pai temos uma relação cúmplice, simples e de amigos. E bem sei que há quem diga que os pais ou são pais ou são amigos - não podem ser ambos. Mas o meu é daqueles que o é - meu pai e meu amigo.

Porque só um amigo como ele faria o que ele já fez, faz e continuará a fazer por mim, a sua filha.

E é verdade que eu não sou de dar muitos abraços ou beijos ao meu pai - faço-o com mais facilidade com a minha mãe, mas isso é porque tenho uma relação diferente com ela. Não quer isto dizer que amo mais a minha mãe do que o meu pai - quer apenas dizer que se a minha mãe é o meu braço direito, o meu pai é o meu braço esquerdo.

São ambos quem me aconselha, quem me guia e quem me ensina mais nesta vida. Podia ter um pai que batia nas filhas, que abusava delas, que não as amasse.

Mas o meu pai é daqueles que ama muito com o seu coração de manteiga, camuflado por lascas de gelo que a vida o obrigou a ter como defesas.

Ás vezes, somos tão parecidos que assusta. E por vezes, tão diferentes que enerva. Mas somos pai e filha, já lá vão quase dezanove anos e no decorrer deles todos, não há nada que eu mudasse; muito menos nele.

É o meu pai. Aqui ou na China, não importa. É o único Homem que eu sei com certeza absoluta que me vai sempre amar e apoiar, no mal e no bem.

E é bom termos um dia para celebrar um Homem destes, não é?

Feliz dia do pai.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D