Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Something New

porque sempre que se fecha uma porta, abre-se uma janela

porque sempre que se fecha uma porta, abre-se uma janela

Something New

24
Jul14

É bom estar de volta!

alex

CHEGUEI! Batam palmas, dancem, gritem, pulem (ou deixem-se estar sentadinhos na cadeira a olhar para o ecrã, a ler isto, a pensar que eu voltei mais maluca do que o que fui - como se isso fosse possível...), façam o que quiserem, mas ficam informados de que eu estou de volta!

Soube muito bem esta semana e meia que passei longe de tudo e todos, mas tenho de admitir que já estava a ficar com comichões e que a minha paciência, nestes últimos dois dias, já estava nos limites. Viver com dois idosos teimosos e que passam a vida a discutir por coisas fúteis e mínimas e com um adolescente chato de dezasseis anos e com uma criança mimada de nove (apesar de com essa, já estar habituada a levar...) dá cabo da paciência da pessoa mais santa, passado uma semana!

Mas foi uma semana e meia bem passada, com muito sol, piscina, diversão e descanso. MAS e as saudades? Vou ser sincera (ou mázinnha, depende da perspectiva) e dizer que nem foi dos meus queridos pais que tive saudades... foi da minha cama. E do meu computador. E das minhas histórias e do meu blog. MEU DEUS, como eu tive saudades deste espaço! Os meus dedos já estão destreinados, apesar de eu lá ter escrito muito ( a caneta, mas não é a mesma coisa!) Mas admito que, do que tive mais saudades, foi mesmo da minha cama! Enquanto estive lá em cima, tive de partilhar a cama com a minha irmã e digamos que passei muitas noites a acordar e a adormecer, a acordar e a adormecer e que tenho umas belas nódoas negras com que me passear! Já dormi com muita gente na vida ( okay, eu percebo que isto soa mal, mas tenho muitos primos e primas e amigos que são como se fossem primos, com os quais dormia quando era miudinha, quando estava de férias, por isso, nada de pensamentos perversos, sim?), mas a minha irmã é um autêntico pesadelo! Mexia-se mais do que quando estava acordada, dava-me pontapés, socos, falava que nem uma tagarela em plena madrugada e eu ali, a rezar aos santinhos para que ela sossegasse para eu poder dormir mais do que duas horas seguidas... valeram-me as sestas que dormia a seguir ao almoço!

Enfim... estou de volta e agora é desfazer as malas e voltar ao mundo real... custa, mas tem de ser porque tudo é que é bom acaba... mas apenas para dar espaço para algo melhor!

Ah como tive saudades disto ... ah! E obrigada pelos três destaques Sapo, sempre muito lisonjeada! E obrigada pelos comentários que aqui foram deixando, mesmo eu estando fora... pronto, agora vou-me pôr a lavar loiça e a arrumar roupa.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D