Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Something New

porque sempre que se fecha uma porta, abre-se uma janela

porque sempre que se fecha uma porta, abre-se uma janela

Something New

04
Jun13

And (s)he was gone

alex

Ela sentia a leve brisa do dia percorrer-lhe o corpo, como uma leve carícia. Estava com pele de galinha, porque se tinha esquecido do casaco no carro.

Agora ali sentada na areia fria e macia, encontrava-se demasiado absorvida nos seus pensamentos para voltar atrás e agasalhar-se.

Estava um dia particularmente bonito. O sol estava prestes a esconder-se por detrás da enorme extensão de água que se encontrava à frente dela,  estavam cerca de 20º graus e o dia já ia longo.

Há sua volta reinava a paz, a calma, o silêncio.

Na cabeça dela estava tudo menos pacífico, calmo ou silencioso. O turbilhão de pensamentos que lhe assaltavam a mente não a deixavam absorver toda a beleza que a rodeava, naquela tarde amena de primavera.

Tinha fugido para ali na vã tentativa de reaver um pouco da paz que tanto necessitava na sua vida, naquele momento. Mas não havia nada que fizesse desligar a sua mente confusa e baralhada. 

Imagens da noite anterior assomavam-lhe à cabeça como flashbacks de um filme romântico e lamechas. Nunca foi daquelas raparigas que desejasse que a sua vida fosse como um filme romântico. Sempre aspirou mais aos filmes de acção e aventura, onde poderia viver imensas aventuras pelo mundo fora, conhecer pessoas novas, combater os maus da fita e salvar o dia.

Nunca desejou cavalgar em direcção ao pôr-do-sol agarrada ao príncipe encantado; sempre se imaginou ao volante de um mini azul descapotável, a conduzir a alta velocidade, com o vento a despentear-lhe os seus longos cabelos castanhos, a música a tocar no volume máximo e o pôr de sol como pano de fundo.

O seu sonho sempre foi ser perseguida e nunca perseguir.

Nunca desejou ser resgatada, porque não havia necessidade de tal.

Nunca quis um príncipe encantado porque ela sempre foi a Rainha.

Nunca precisou de alguém que a amasse, porque ela sempre se amou.

Até ao dia em que o conheceu a ele.

E tudo mudou.

Passou a ser apenas mais uma menina que sonha com o príncipe encantado montado no cavalo branco, empunhando uma espada, enquanto grita a plenos pulmões "Venho salvar-te minha bela donzela!".

Deixou de ser a mulher que era, e passou a ser a menina que nunca foi.

De repente, sentiu as lágrimas caírem dos seus olhos em direcção à sua face. Rapidamente as limpou, olhando para todos os lados, com medo que alguém tivesse visto.

Mas ao olhar à sua volta deparou-se apenas com o enorme vazio que a rodeava.

O mesmo vazio que era agora a sua vida.

A sua vida, anteriormente tão cheia e completa, por si e apenas só por si. Mas era-lhe suficiente.

Até que deixou de ser.

E ele passou a ser aquele que preenchia a sua vida, por completo.

E agora ele tinha desaparecido. Para sempre.

E naquele momento, naquela tarde enregelada de um dia de primavera, ao aperceber-se disto, ela deixou-se chorar.

Não por ele, mas por si.

Não por tê-lo perdido para sempre, mas por ter-se perdido a si; a mulher independente e feliz que era.

"Pior do que perdermos alguém que amamos, é perdermo-nos a nós próprios." - Foram os seus últimos pensamentos, ao deslocar-se calmamente em direcção ao mar gelado, rebelde, mortal...fatal.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D