Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Something New

porque sempre que se fecha uma porta, abre-se uma janela

porque sempre que se fecha uma porta, abre-se uma janela

Something New

26
Fev13

As noites em branco dão-me para isto...


alex

Ela sorri enquanto conta uma história qualquer ao amigo, ou talvez ao namorado, que a acompanha. Sempre que olho na sua direcção, está com um sorriso estampado na cara. Como é que ela consegue? Fala a sorrir, dá gargalhadas que me enchem os ouvidos e que me aquecem a alma. Mas os seus olhos...esses transmitem algo diferente, por vezes. Uma pequena mágoa, profunda, bem profunda, guardada num sítio onde ninguém conseguirá chegar, senão ela. Mas eu vejo, sinto.

O seu sorriso, embora encantador e o mais bonito que já vi, é um dos mais falsos que andam por aí. A sua gargalhada, apesar de parecer genuina, não o é. Mas ela continua a fingir, continua a esconder a mágoa que sente, não querendo partilhá-lha com ninguém, nem mesmo com ele, que a acompanha para todo o lado. Será ele a causa do seu sorriso falso? Nunca os vi de mãos dadas, nunca trocaram um beijo sem ser na cara...mas nota-se que têm aquela cumplicidade que muitos casais desejariam ter e não têm. Então quem é ele, o que é ele para ela e será ele o motivo de tanta tristeza escondida? Não sei, mas adorava saber. De cada que vez que os nossos olhares se cruzam, não posso evitar suster a respiração durante aquele milésimo de segundo, que parece durar uma eternidade. Tem os olhos mais bonitos que já vi em toda a minha vida. São grandes, ligeiramente rasgados e embelezados por pestanas naturalmente grandes. É uma bela criatura, esta moça. Já reparei no seu olhar pousado em mim, quando estou perto dela. Sim, já estive bem perto dela, mas nunca realmente perto, se é que me faço entender. Não sei se é vergonha, se receio de ser rejeitado, se medo por poder vir a descobrir que o rapaz que se encontra sempre com ela é na realidade, seu namorado. Não sei o que é, mas algo me impede de lhe dizer um simples "olá!". Um amigo meu conhece-a...treinaram juntos no mesmo clube há uns anos atrás. Ele diz que ela está completamente diferente. Não entra em detalhes, dizendo apenas que nunca foi muito próximo dela, mas que está mais mulher.

Mas estou a divagar. Que importa se mudou? Nunca a conheci. Provavelmente, nunca irei conhecer. Sinto que desperto um certo interesse nela. Consigo percebê-lo quando ela me olha, pensando que eu não estou a reparar. Consigo perceber quando ela e os amigos estão perto de mim e dos meus amigos e ela, levanta a voz para se fazer notar. Estamos sempre a cruzar-nos. Onde quer que eu vá, lá está ela. Mas está sempre acompanhada...como se isso fizesse diferença. Sozinha ou acompanhada, sou demasiado cobarde para avançar. Talvez esteja a perder uma grande oportunidade, talvez esteja a deixar escapar por entre as minhas mãos, um grande amor, ou apenas talvez, uma boa amizade. Mas tal, nunca saberei, porque coragem é coisa que não tenho.

Olho para ela uma última vez antes de sair do recinto. Por incrivel que pareça, ela olha para mim também, como se tivesse pressentido o meu olhar pousado na sua bela figura. Contempla-me durante um mero segundo e, inesperadamente, um leve sorriso surge no seu rosto. Um sorriso pequeno, comparado com os que estou acostumado a ver-lhe, mas maior que todos esses juntos. Pela primeira desde que comecei a reparar nela, esta sorri com os olhos.

Para mim.


*Devaneios noturnos causados pelas minhas amigas insónias.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D